Sindicombustiveis-al

Canal Rural

07/11/2019 – O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, oficializou nesta semana o aumento da mistura de biodiesel ao diesel comercial de 11% para 12% no início de 2020, dando andamento ao cronograma do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) para gradativamente chegar aos 15% em 2023, conforme anunciado em 2018.

A Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) comemorou o anúncio, que é resultado de um trabalho técnico intenso realizado pelas indústrias do biocombustível, Ministério de Minas e Energia e Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biodiesel (ANP) ao longo deste ano.

A previsão é de que a produção de biodiesel em 2020 chegue a 6,8 milhões de metros cúbicos, incremento de cerca de 20% em relação ao produzido em 2019, o que deve gerar uma movimentação financeira de R$ 19 bilhões.

Para atender a demanda será necessário 5 milhões de toneladas de óleo de soja, matéria-prima responsável por 75% do total de biodiesel produzido e consumido no país.

Categories: noticias