Sindicombustiveis-al

Valor Econômico

02/07/2019 – O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, disse que a companhia mantém os planos de se desfazer da Braskem, mesmo após a LyondellBasell encerrar as negociações com a Odebrecht para compra da petroquímica. O executivo sinalizou, contudo, que a petroleira segue interessada no setor, no longo prazo, e que a estatal poderá voltar a investir no negócio de petroquímica no futuro, como parte de uma estratégia de integração com suas refinarias.

Para ler na íntegra, clique aqui.

Categories: noticias